quinta-feira, 6 de julho de 2017

- A ARTE DE VIVER COM... - ALTRUÍSMO. - N º. 247. - Dr. HUMBERTO. (Dr. Carlos.)



                             ALTRUÍSMO      

                  “Os grandes propósitos são sempre atravessados por diversos obstáculos e dificuldades”. - Vicente de Paula.S.

                        Na vida hioderna nós nos preocupamos com as conquistas objetivas, ou seja com o que esta direcionado pelos cinco sentidos conhecidos pelo ser humano. No plano físico em que vivemos valorizamos o que nos toca, deixando para segundo plano as formas subjetivas do sentimento. Sabemos que existe algo superior a nós, porém, só recorremos a Ele quando estamos em dificuldades de todas as ordens, ai, queremos nos santificar, mudando pensamentos, palavras e as nossas atitudes.
                   Essa característica é de todos nós, pois nos acomodamos com as benesses materiais conquistadas, vivemos o presente muitas vezes de forma desregrada, esquecendo os princípios da ética, do bem viver que todos os credos apregoam usando vocábulos etiológicos diferentes, mas, a mensagem é a mesma para todos em qualquer local do Planeta.
                   Planejamos tudo para as nossas vidas aqui na Terra. Aquisição de bens materiais, oportunidades de lazer e diversão, nos preocupamos com tudo de bom que a existência nos oferece para a satisfação dos prazeres do corpo, muitas vezes exageramos e nos tornamos vítimas de nós mesmos, das nossas ações imprudentes que lesam o instrumento carnal, deixando marcas na maioria vezes profundas causando-nos dissabores físicos, sentimentais, e, espirituais até o final da nossa passagem terrena, e quem sabe o grau de indisciplina pessoal foi muito elevado deixando situações para serem reparadas recuperadas em futuras vidas ou seja reencarnações..
                   Quando sofremos dores físicas ou sofrimentos sentimentais, julgamo-nos injustiçados, pensamos que não somos merecedores das dificuldades que estamos passando. Queremos logo um socorro do Alto, rogamos que haja uma eliminação rápida dos problemas que estamos enfrentado, que tudo ocorra num piscar de olhos. Nem sequer lembramos que os fatos do presente são efeitos de causas do passado, que hoje cobram atitudes de recolhimento íntimo para avaliarmos a situação vivenciada no presente, para com isso tentarmos minimizar o máximo os sentimentos contrários ao nosso bem estar e a partir daí desenvolvermos um ótimo futuro.
                   Nesse momento devemos, voltar aos arquivos da nossa memória e pesquisar a onde estão os fatos errados que cometemos e que causaram esse desequilíbrio físico-psiquico-espiritual.
                   Quando descobrimos o que voluntariamente nos desajustou, é nessa hora o momento especial em que devemos, agradecer pelo que estamos passando resignadamente, aceitado a vontade do Pai e, nos aproximarmos do Alto em Preces, pensamentos e atos, para expormos humildemente o nosso altruísmo de reconquistarmos o equilíbrio Espirito-psiquico-somático para continuidade da nossa existência de provas e expiação.
                   Aceitando resignados as provas e expiações que nos são proporcionadas pelas mais variadas situações do dia a dia em nossa vida é a melhor forma de respeitarmos a vontade de Deus.

                   Bem-aventurados sejam todos os filho do amor de Deus, que encontram-se em provas.

                   Harmonia e Paz.

                                                                                              Dr. HUMBERTO.
                  
                   (Mensagem recebida em Piracicaba, 30 janeiro de 2006, às 21,25 horas. Pela Mediunidade Intuitiva do médium Dr. Carlos.)

                   RHEDAM. (mzgcar@gmail.com)

Nenhum comentário:

Postar um comentário