terça-feira, 12 de dezembro de 2017

- ESQUEMA DE DIVULGAÇÃO DO BLOG: - A ARTE DE VIVER COM... - QUARTA FEIRA.



                            A ARTE DE VIVER COM...
.
                        TODOS OS DIAS UMA NOVA MENSAGEM.

                           ESQUEMA DE DIVULGAÇÃO DO BLOG.

                                           QUARTA FEIRA.

1o. - MENSAGEM PARA O DIA.

2o. - HISTÓRIA DO ESPIRITISMO.

3o. - NOTAS ESPIRITUAIS - AUTORES DIVERSOS.

4o. - ESTUDANDO O EVANGELHO SEGUNDO O ESPIRITISMO.

5o. - EVANGELHO NO LAR - CAMPANHA DE DIVULGAÇÃO.

                        RHEDAM.

                        RHEDAM.(mzgcar@gmail.com)

- MENSAGEM PARA O DIA 08 DE NOVEMBRO.


Mensagens do Mês de Novembro Dia: 08

“Nunca te situes longe do amor; jamais te apartes da caridade.”

                                                    JOANNA DE ÂNGELIS.   

                              ESCAMAS.

            “E logo lhe caíram dos olhos como que umas escamas, e recuperou a vista”, (ATOS,9:18.)

            A visita de Ananias a Paulo de Tarso, na aflitiva situação de Damasco, sugere elevadas considerações.
            Que temos sido nas sombras do pretérito se não criaturas recobertas de escamas, pesadas sob todos os pontos de vista? Não somente os olhos se cobriram de semelhantes excrescências. Todas as possibilidades confiadas a nós outros hão sido eclipsadas pela nossa incúria, através dos séculos. Mãos, pés, língua, ouvidos, todos os poderes da criatura, desde milênios permanecem sob o venenoso revestimento da preguiça, do egoísmo, do orgulho, da idolatria e da insensatez.
            O socorro concedido a Paulo de tarso oferece, porém, ensinamento profundo. Antes de recebê-lo, o ex-perseguidor rende-se incondicionalmente ao Cristo; penetra a cidade, em obediência à recomendação divina, derrotado e sozinho, revelando extrema renúncia. Onde fora aplaudido triunfador. Acolhido em hospedaria singela, abandonado de todos os companheiros, confiou em Jesus e recebeu-lhe a sublime cooperação.
            É importante notar, contudo, que o Senhor, utilizando a instrumentalidade de Ananias, não lhe cura se não os olhos, restituindo-lhe o dom de ver. Paulo sente que lhe caem escamas dos órgãos visuais e desde então, oferecendo-lhe o trabalho do Cristo, entra em caminho de sacrifício, a fim de extrair, por si mesmo, as demais escamas que lhe obscureciam as outras zonas do ser.
            Quanto lutou e sofreu Paulo, a fim de purificar os pés, as mãos, a mente e o coração?
            Trata-se de pergunta digna de ser meditada em todos os tempos. Não te esqueças, pois, de que na luta diária poderás encontrar os Ananias da fraternidade, em nome do Mestre; aproximar-se-ão, compassivos, de tuas necessidades, mas não olvides que o Senhor apenas permite que te devolvam os olhos, a fim de que, vendo claramente, retifiques a vida por ti mesmo.

Fonte: Livro “VINHA DE LUZ” - EMMANUEL - Psicografado Por FRANSCICO C. XAVIER - 10º. Edição - Editora FEB - Rio de Janeiro – 1982.

                                   RHEDAM. (mzgcar@gmail.com)

- MENSAGEM ESPECIAL. - MÃOS PEQUENINAS. - MEIMEI. (CHICO XAVIER.)



                   MÃOS PEQUENINAS.

            Quando afagues teu filinho no aconchego doméstico, não te esqueças das mãozinhas anônimas, esquecidas no desamparo...
            Flores rodopiando na ventania, assemelham-se a estrelas perdidas na tempestade.
            É todo um mar de sofrimento e angústia que te rodeia...
            Apura a visão para que o aflitivo painel  te não passe despercebido.
            Mãos pequeninas de várias cores a se debaterem nas sobras...
            Chegaram à Terra como doces promessas de alegria e lutam por sobreviver à procura do bem.
            Pelo amor à criancinha que te inspira a beleza do lar, acende o lume da bondade e não recuses socorro aos braços minúsculos que te acenam da onda revolta, suplicando piedade e carinho.
            Auxilia esses lírios humanos a se desvencilharem do lodo das trevas para que se desenvolvam ao hálito da luz.
            Dizes que a vida pede amor e esperas um mundo melhor...
            Não negues, assim, a tua migalha de ternura aos anjos que choram no temporal.
            Recolhe as mãozinhas enregeladas no frio do desencanto e, ao calor de tua abnegação, ajuda-as a renascer para existência, a fim de que possam esculturar o teu sonho de perfeição e grandeza, no esplendor do amanhã...
            Descerra as portas do coração aos filinhos do berço torturado e protege-os confiante.
            Recorda que, um dia, duas mãos pequeninas, relegadas ao abandono numa estrebaria singela, eram as mãos de Jesus, o Rei Divino, que ainda hoje, são o nosso refúgio de paz e a esperança do mundo inteiro...

                                                                                  MEIMEI. (Chico Xavier).

Fonte: Livro “Deus Aguarda” - MEIMEI - F. C. Xavier - 1. Edição - Editora GEEM - São Bernardo do Campo. SP - 1980.

                                   RHEDAM. (rhedam@gmail.com)

- MENSAGEM PARA A UNIFICAÇÃO. - TOLERÂNCIA RELIGIOSA.- REVISTA O REFORMADOR.

           TOLERÂNCIA RELIGIOSA.

            Instintivamente tem o homem a crença do futuro, mas não possuindo até agora nenhuma base certa para defini-lo, a sua imaginação fantasiou os sistemas que originaram a diversidade de crenças.
            A Doutrina Espírita sobre o futuro - não sendo uma obra de imaginação mais ou menos arquitetada engenhosamente, porém o resultado da observação de fatos materiais que se desdobram hoje à nossa vista - congraçará, como já esta acontecendo, as opiniões divergentes ou flutuantes e trará gradualmente, pela força das coisas, a unidade de crenças sobre esse ponto, não já baseada em simples hipótese, mas na certeza.
            A unificação feita relativamente à sorte futura das almas será o primeiro ponto de contacto dos diversos cultos, um passo imenso para a tolerância religiosa em primeiro lugar e, mais tarde, para a completa fusão.

            (Allan Kardec, “O Céu e o Inferno”, 1a. Parte, cap. I, item 14, 23a. Edição, Editora FEB, Rio de Janeiro, RJ.

Fonte: Revista “O REFORMADOR” - No. 1785. - Dezembro, 1977, - Editora FEB. - Rio de Janeiro, RJ.

                                   RHEDAM. (mzgcar@gmail.com)

- MENSAGEM PARA OS JOVENS. - N º. 218. - ESCLARECENDO AS DÚVIDAS DOS JOVENS! - DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO.- REVISTA INFORMAÇÃO.



ESCLARECENDO AS DÚVIDAS DOS JOVENS!

      DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO.

 Sabendo-se que é patente o avanço tecnológico, a intervenção humana científica no processo de fecundação do feto, quais sejam: - escolha do sexo, cura de futuras enfermidades mentais a nível de cromossomo, fecundação em laboratório em meio ideal para posterior implantação no útero materno, pergunto: como está se adaptando o Plano Espiritual, no processo reencarnatório, e, como se enquadra a lei de causa e efeito nestes avanços da Ciência?

Não temos qualquer informação a respeito. Entretanto, pela linha de pensamento que o Espiritismo nos propicia, cremos que o processo de desenvolvimento da  humanidade, em todas as áreas de atividade, e não apenas científica, não se realiza desvinculados dos Planos da Espiritualidade, de maneira que ao se concretizar na Terra uma conquista cientifica e tecnológica, os Espíritos também já vinha trabalhando no mesmo sentido.
Como a humanidade não compreende apenas os encarnados, não podemos esquecer de que os espíritos também participam das realizações humanas e, muitas vezes, as suas conquistas se operam antes mesmo de ser concretizadas na Terra. Desse modo, poderíamos ter, até mesmo uma situação inversa ao que foi proposto: ao invés da espiritualidade se adaptar a nós, seríamos nós que nos adaptaríamos à espiritualidade.

Pergunta elaborada por: Luiz Tadeur M. Oliveira. – Dourados – MS..

Fonte: Revista Informação – Ano XV – Nº. 179. - Outubro de 1991.

                        RHEDAM. (mzgcar@gmail.com)

sábado, 9 de dezembro de 2017

- NOTAS ESPIRITUAIS. - MENSAGEM DE JOANNA DE ÂNGELIS. - OPINIÕES EM NÓS IV. - JOANNA DE ÂNGELIS. (DIVALDO P. FRANCO.)


MENSAGEM DE JOANNA DE ÂNGELIS. (DIVALDO P. FRANCO.)

                 OPINIÕES EM NÓS IV.

            Consideras, ferido pensando “Como são impiedosas as pessoas que me combatem! Nem sequer procuram saber se agi como afirmam que agi.”

                                                           Joanna de Ângelis. – Divaldo Pereira Franco.

Fonte: Dimensões da Verdade - Joanna de Ângelis - D. P. Franco, - 2º. Edição - Livraria Espírita Alvorada Editora - Salvador BA - 1977.

                                   RHEDAM. (mzgcar@gmail.com)